Todo e qualquer negócio está sujeito a erros, mas saber identificá-los e ter soluções para corrigi-los é fundamental. Essa máxima, também, é válida para os projetos de construção civil. Afinal, eles são repletos de detalhes, etapas e desafios. Portanto, se faltar atenção e planejamento, por exemplo, as chances de um deslize são grandes.

Isso afeta diretamente a produtividade da equipe e, claro, o calendário de obras. Inclusive, erros demais podem resultar no atraso da entrega de um empreendimento. Mas, como não queremos que isso aconteça com o seu projeto, criamos este artigo. Nele, compartilharemos alguns descuidos que podem afetar a produtividade da sua equipe e sua obra, bem como algumas soluções para você pôr em prática. Continue a leitura e saiba mais!

5 erros em projetos de construção civil

A construção civil é uma área de grande destaque social e econômica, afinal, por meio dela, existem as casas, edificações comerciais e industriais, entre outras. Mas, para que um projeto seja executado com excelência, é preciso evitar contratempos.

Separamos, aqui, 5 erros que podem comprometer toda a produtividade da sua equipe, bem como a segurança dos empreendimentos, e que você deve evitar. Confira!

1. Falta de gerenciamento de projetos

Talvez, esse seja um dos erros mais graves em projetos da construção: a falta de gerenciamento. Essa gestão consiste na aplicação de técnicas para o sucesso do planejamento e da execução da obra, devendo contemplar todos os processos, como a elaboração, execução e controle de resultados do projeto.

Por meio de uma boa gestão, é possível cumprir prazos e executar as diversas etapas com êxito. Além do que, essa prática evita gastos desnecessários, pois é possível eliminar desperdícios, evitar retrabalhos e mitigar riscos. Também, auxilia na aplicação de novas tecnologias, que visam a melhorar a produtividade dos trabalhadores, bem como coordenar os recursos da construção.

2. Projetos com falta de informações

O segundo erro está atrelado ao primeiro. Sem uma gestão, possivelmente, haverá falta de informações e detalhamento nos projetos de construção civil. E isso reflete na execução das obras, gerando alguns problemas.

A falta de detalhes das etapas de realização do empreendimento prejudica o seu cronograma. Afinal, se faltam informações importantes, os colaboradores podem encontrar dificuldade na execução e ter retrabalho em algumas etapas, e atrasos nas entregas. Além disso, os dados compartilhados devem ser claros, facilitando a leitura e entendimento de todos.

3. Não atender às normas e legislações

A construção civil é uma área que possui diversas normas. Isso serve para garantir que boas práticas sejam adotadas por todos os membros da equipe, assim como certificar que as condições básicas de segurança e usabilidade dos projetos sejam utilizadas.

Não atender às normas pode resultar em diversos problemas. O primeiro é o retrabalho, que afeta diretamente na produtividade da equipe e, claro, altera o calendário de conclusão das etapas. Assim, pode haver atraso na entrega do empreendimento. Outro contratempo que pode surgir, pela negligência das regras vigentes, é que talvez haja desacordo entre o planejamento e a execução.

Dessa forma, é extremamente necessário que todos os profissionais envolvidos no projeto estejam cientes das normas relacionadas a ele. Assim, poderão cumpri-las com eficiência.

4. Falta de compatibilidade entre as disciplinas do projeto

Esse é mais um problema que afeta toda a produtividade e execução da obra. Bom, o projeto arquitetônico é a base para as definições de estruturas e posicionamento das instalações hidrossanitárias e elétricas. Os demais são complementares, mas devem ser compatíveis com esse primeiro. Caso contrário, poderá haver conflitos entre eles, o que resultará em contratempos na realização da construção.

Assim, a falta de compatibilidade entre as disciplinas poderá resultar em falhas que precisarão ser resolvidas no andamento da obra. E, mais uma vez, isso impacta na produtividade da equipe por meio dos retrabalhos que serão necessários. Além disso, acarretar custos não previstos, com insumos e mão de obra e, também, o não cumprimento do cronograma de entrega do projeto.

5. Falha na comunicação

A comunicação é essencial em qualquer setor do mercado, e na construção civil não é diferente. Sem ela, é impossível garantir que todos saibam de tudo o que está acontecendo no projeto. Ainda, quando há falhas, pode haver baixa produtividade e retrabalho na edificação, assim como o atraso nas conclusões das etapas e do empreendimento em si. Também, é capaz de resultar em prejuízos financeiros.

Pode-se dizer que a comunicação não está funcionando bem quando há interpretações divergentes de dados, ambiente de dados descentralizados ou alterações repentinas do planejamento. Também, quando a equipe começa a perder o engajamento, deixando de compartilhar pareceres importantes para o andamento da obra.

Conheça algumas soluções para evitar os erros em projetos de construção civil

Agora que você conheceu os 5 principais erros que ajudam a acabar com a produtividade e gerar consequências ruins em seus projetos, queremos compartilhar algumas soluções para essas situações. A primeira é contar com profissionais capacitados e qualificados para suas funções. Uma dica é oferecer treinamentos específicos para que sua equipe esteja sempre por dentro das novidades que o mercado disponibiliza, bem como ter conhecimento das normas vigentes para a construção civil.

Outra coisa importante a se fazer é documentar tudo. Cada atividade e etapa do deve ser registrada e armazenada em um local onde todos os envolvidos tenham acesso.

E por falar nisso, a outra dica é utilizar o BIM (Building Information Modeling ou Modelagem de Informação da Construção, em português). Ele nada mais é do que uma metodologia de interação dinâmica de políticas, processos, e tecnologias que envolvem todos os passos do ciclo de vida da construção. Com ele, é possível ter uma visão ampla da edificação da construção, sobrepondo projetos, integrando as etapas e disciplinas do empreendimento com foco no retorno do investimento. Diversos países já exigem o uso dessa tecnologia, inclusive o Brasil, por meio do Decreto n.º 10.306, de 2 de abril de 2020.

  • Conheça a melhor tecnologia disponível para profissionais de arquitetura, engenharia e construção.

Por último, mas não menos importante, é fundamental manter uma boa comunicação entre todos os membros do projeto. Mesmo com etapas documentadas e uso de tecnologias, sem diálogo entre o time, será impossível evitar erros.

Você conhece mais algum problema e dicas de como evitá-los, em projetos de construção civil? Compartilhe conosco aqui nos comentários. E para continuar a ter acesso a informações sobre o setor, visite regularmente nosso blog.

Deixe seu comentário